Última hora

Última hora

O que pretende a mulher que lidera a Europa?

Em leitura:

O que pretende a mulher que lidera a Europa?

Tamanho do texto Aa Aa

Há quem a considere pragmática; outros preferem a palavra “maquiavélica”. Angela Merkel continua a dominar o interior do seu partido e segue no leme de uma Europa onde as políticas fiscais são cada vez mais rigorosas. Que visão tem a chanceler do futuro europeu, ao forçar reformas nos países chamados de PIIGS, apesar dos protestos generalizados? Perante o atraso de algumas dessas reformas, os seus detratores denunciam uma teimosia que é mais onerosa para a Europa, que acaba por custear planos de resgate.

Tudo isto acontece numa altura em que a economia europeia, e o motor alemão por detrás dela, estão a abrandar. A tendência de federalismo inerente às suas políticas encontra muita resistência nos países que não querem perder a soberania. Será que os contribuintes alemães, agastados pelos protestos contra o seu país, vão afastar Merkel do poder nas próximas eleições parlamentares?

Nesta edição do The Network temos como convidados Aristides Baltas, co-fundador do partido grego Syriza; Elmar Brok, deputado alemão da CDU, de Angela Merkel; e Jan Techau, diretor do grupo de reflexão Carnegie Europe.