Última hora

Em leitura:

Geórgia: Batalha política vira batalha campal


Geórgia

Geórgia: Batalha política vira batalha campal

Na Geórgia, o braço-de-ferro entre o presidente Mikhail Saakashvili e o primeiro-ministro Bidzina Ivanishvili descambou numa batalha campal, frente à biblioteca onde o presidente iria fazer um discurso.

Esta coabitação, a primeira desde o fim da era soviética está a ser difícil e os dois homens estão numa guerra aberta: o presidente do parlamento impediu Saakashvili de discursar na assembleia.

O discurso foi então deslocado para a Biblioteca Nacional, mas a história acabou com a agressão do presidente da câmara de Tbilissi e outros apoiantes de Saakashvili: “É uma violação direta da Constituição da Geórgia, impedir o presidente de se dirigir ao parlamento e ao povo. Infelizmente, tudo isto está a ser perpetrado pelo primeiro-ministro e pelos seus apoiantes”, disse o vice-presidente do parlamento, Giorgy Baramidze.

Saakashvili está a passar pela prova mais dura desde que chegou à presidência em 2004, na sequência da “Revolução das Rosas”.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Líderes europeus encolhem orçamento da UE