Última hora

Última hora

Resignação apanha crentes de surpresa

Em leitura:

Resignação apanha crentes de surpresa

Tamanho do texto Aa Aa

Nas ruas a resignação do Papa Bento XVI apanhou muita gente de surpresa, mesmo assim, tanto na Alemanha como em França, muitos apontam a doença como único motivo plausível.

“Eu apenas aceito se foi por razões de saúde. Para além disso, não será teoricamente impossível para o papa demitir-se”, questiona uma alemã em Munique.

“Eu apenas aceito se ele estiver doente e não conseguir desempenhar a missão. Não aceita qualquer outra razão”, diz outra senhora.

É único em termos de pontificado por isso deve ser mais profundo que o que nos estão a dizer até agora”, refere um escocês na Alemanha.

“Não me choca nada, com a idade que ele tem. Ele estava no limite, pobre homem. É normal, deem-lhe paz”, argumenta uma francesa.

“É muito raro, terá havido duas ou três na idade média. Ele sabia que estava muito doente, aliás ele já estava doente quando foi eleito”, afirma outra senhora.