Última hora

Última hora

Obama e o discurso sobre o estado da nação

Em leitura:

Obama e o discurso sobre o estado da nação

Tamanho do texto Aa Aa

Barack Obama profere esta noite o discurso sobre o estado da Nação. Um evento que servirá para o presidente marcar o início de um segundo mandato com uma série de reformas em vista. Mas para Allan Lichtman, professor de história da Universidade Americana de Washington, tudo depende do desempenho na economia.

“Penso que ele devia focar-se em dois temas e um é claro a economia. Se a economia está pobre, então é difícil fazer qualquer coisa. Em segundo, claro, o ambiente e a catastrófica alteração climática que pode ser o maior desafio do século XXI para a humanidade”, afirma.

Lichtman considera que há duas maneiras de fazer o congresso agir. “O congresso é como Wall Street, funciona com base em duas coisas: medo e ganância. Eles não vão ser gananciosos com Obama, mas como lhes meter medo? Só com a pressão da opinião pública”, conclui.

Stefan Grobe, correspondente da Euronews em Washington interpreta o contexto político norte-americano: “Barack Obama ainda goza de muita popularidade pós eleitoral. Ele quer apoiar-se nisso para ultrapassar a obstrução republicana no Congresso e levar a sua luta política ao povo americano. Daí que o discurso deva ser audacioso e não cinzento”.