Última hora

Última hora

Dresden: Cordão humano de 3,6 km contra os neonazis

Em leitura:

Dresden: Cordão humano de 3,6 km contra os neonazis

Tamanho do texto Aa Aa

Reviver o passado em Dresden. Cerca de 10 mil pacifistas formaram um cordão humano de mais de três quilómetros e meio. Comemoram os bombardeamentos Aliados que libertaram esta cidade alemã, a 13 e 14 de fevereiro de 1945.

Os manifestantes aproveitam também fazer face a uma contramanifestação neonazi. “Penso que é importante mostrar que estou solidário com a minha cidade e que não há espaço para extremismos”, explica um manifestante. Uma jovem diz, por seu lado: “Estou em aqui em memória das vítimas de guerra e para dar o exemplo, contra o racismo.”

“Fora com os nazis” era um dos ‘slogans’ dos pacifistas, gritado contra os cerca de 600 manifestantes de extrema-direita.

Os neonazis condenam a ação dos Aliados, no final da Segunda Guerra Mundial, e equiparam-na a um crime de Guerra.

Três mil e 500 polícias de toda a Alemanha foram mobilizados para garantir a segurança das duas manifestações.