Última hora

Última hora

Investigações sobre o caso Pistorius mudam de mãos

Em leitura:

Investigações sobre o caso Pistorius mudam de mãos

Tamanho do texto Aa Aa

O detective responsável pelo dossiê foi afastado após acusação de sete tentativas de homicídio, por ter disparado sobre uma carrinha de transporte de pessoas, em 2009.

A polícia confirmou as acusações contra Hilton Botha que fragilizam a investigação no caso do Pistorius e abre falhas no bloco da acusação.

O tribunal deve decidir amanhã sobre o pedido de liberdade condicional apresentado pela defesa de Pistorius, que tem procurado convecencer o juiz da tese de morte acidental do assassinato da namorada, a modelo Reeva Steenkamp.

O campeão paralímpico é mantido em prisão preventiva após uma audiência de quase cinco horas em que o juiz convocou o detetive Hilton Botha, que esteve na cena do crime na madrugada da tragédia.

A namorada de Oscar Pistorius foi morta na madrugada de 14 de Fevereiro, atingida a tiro pelo atleta que foi o primeiro duplo amputado das pernas a competir nuns Jogos Olímpicos.