Última hora

Última hora

Síria: Comandante rebelde ferido nos arredores de Damasco

Em leitura:

Síria: Comandante rebelde ferido nos arredores de Damasco

Tamanho do texto Aa Aa

Um míssil atingiu, esta quarta-feira, o posto de comando da principal força rebelde síria nos arredores de Damasco, ferindo o seu chefe, informaram os insurgentes.

As forças governamentais bombardearam também Hamuriyeh, a leste da capital, provocando a morte a pelo menos 20 pessoas e um jogador de futebol morreu em resultado da queda de um morteiro num complexo desportivo no centro de Damasco.

Em Moscovo, Serguei Lavrov esteve reunido com o chefe da Liga Árabe. No final da reunião existia algum otimismo em relação à possibilidade de um diálogo começar em breve. O responsável pela diplomacia russa afirmou que “a situação está a mudar” e que a “disponibilidade da liderança da oposição síria para o diálogo tem de ser correspondida pela mesma disponibilidade da parte do governo” porque a violência “é um beco sem saída” que só conduzirá “à destruição mútua”.

Esta quinta-feira, termina o prazo dado pelos rebeldes ao Hezbollah para parar com os ataques contra posições que controlam na Síria, caso contrário, os insurgentes prometem responder na mesma moeda, atacando posições do aliado de Assad, no Líbano.