Última hora

Última hora

Meteorologistas prevêem "perturbações eleitorais" em Itália

Em leitura:

Meteorologistas prevêem "perturbações eleitorais" em Itália

Tamanho do texto Aa Aa

Nem o tempo parece facilitar as eleições italianas de domingo e segunda-feira. No país fala-se já de “perturbações eleitorais”, num momento em que os meteorologistas prevêem uma vaga de frio e neve a norte do país e chuvas abundantes, a sul, nos próximos dois dias.

Em Modena, um habitante sob a neve, afirma que, “independentemente do tempo toda a gente tem de ir votar, pois trata-se de um sufrágio muito importante”.

Outra habitante afirma que, “por mais que chova, os jovens não vão deixar de votar, revoltados contra todos os anos em que Berlusconi esteve no poder”.

Para lá do tempo, o sufrágio deverá afetar igualmente os transportes públicos. Depois dos cortes no setor, entre um terço e metade do sistema de transportes de Turim, Nápoles e Veneza deverá parar, para permitir que os condutores possam exercer o seu direito de voto.