Última hora

Última hora

Rússia: polícia detém suspeito de ataque contra diretor artístico do Bolshoi e faz busca em casa de bailarino

Em leitura:

Rússia: polícia detém suspeito de ataque contra diretor artístico do Bolshoi e faz busca em casa de bailarino

Tamanho do texto Aa Aa

A polícia russa anunciou a detenção de um homem suspeito de envolvimento no ataque com ácido contra o diretor artístico do bailado do Teatro Bolshoi de Moscovo, em Janeiro.

A notícia representa o primeiro sinal de progresso na investigação do crime. As autoridades acreditam que o detido será o condutor do autor material do ataque que, segundo a polícia, terá conseguido fugir.

Em paralelo, as autoridades russas disseram ter realizado buscas na residência de um dos principais dançarinos do Bolshoi, sem no entanto indicarem se Pavel Dmitrichenko está a ser tratado como suspeito.

Serguei Filine, um ex-bailarino hoje com 42 anos, foi nomeado para o cargo de diretor artístico do bailado do Bolshoi em 2011.

A 17 de Janeiro foi atacado junto à sua residência por um desconhecido que lhe lançou ácido sulfúrico contra o rosto provocando queimaduras graves, incluindo nos olhos. Filine está a receber tratamento na Alemanha.