Última hora

Última hora

"Chávez está vivo"

Em leitura:

"Chávez está vivo"

Tamanho do texto Aa Aa

Unidos no luto coletivo, milhares de venezuelanos prestarem homenagem a Hugo Chávez em Caracas.
Coberto por uma bandeira e ladeado por uma guarda de honra, o caixão saiu do hospital para ser levado até à Academia Militar num percurso de oito quilómetros.

Aqui ficará durante todo o dia de amanhã para que os venezuelanos possam prestar uma derradeira homenagem ao defunto presidente.

A marcha foi acompanhada por slogans “Chávez está vivo” e pelo som de altifalantes que emitiam palavras do próprio Chávez

Escolas e universidades foram encerradas durante o resto da semana e o Governo decretou sete dias de luto nacional.

“O legado de Hugo Chávez, permitiu ao nosso país acordar, acordar como um povo, porque fomos adormecidos, sujeitos a injustiças sociais.” “Ele era um homem extraordinário. Deus levou-o mas viverá sempre para nós”.

Vários líderes políticos da América Latina deslocaram-se a Caracas para homenagem ao homem que dirigiu a Venezuela nos últimos 14 anos.