Última hora

Última hora

Primeiro congresso do partido de Aung San Suu Kyi

Em leitura:

Primeiro congresso do partido de Aung San Suu Kyi

Tamanho do texto Aa Aa

É o primeiro congresso da Liga Nacional da Democracia e também um novo capítulo da construção democrática do Myanmar. Mais de 800 delegados participam durante três dias em Rangum na reunião magna do partido da prémio Nobel da paz, Aung San Suu Kyi. É um virar da página da clandestinidade, há ainda muito para fazer até às legislativas de 2015.

Um delegado diz esperar que o congresso da LND torne o partido “mais forte e mais democrático”. Mas há quem se mostre cético, como um analista político que diz que “muitos líderes internos são fracos na oposição a Aung San Suu Kyi e que todas as decisões estão dependentes dela, o que será um pesado fardo. Por isso”- acrescenta Yan Myo Thein – “se isto continuar a LND ficara igual um sistema autocrático”.

Um quarto de século depois de ter sido fundada, a LND de Aung San Su Kyi prepara-se para rejuvenescer com a eleição dos comités central e executivo num país a sair de uma longa ditadura militar.