Última hora

Última hora

Itália: Deputados do PDL manifestam contra perseguição a Berlusconi

Em leitura:

Itália: Deputados do PDL manifestam contra perseguição a Berlusconi

Tamanho do texto Aa Aa

Em Milão dezenas de deputados do partido Povo da Liberdade manifestaram-se em frente do tribunal onde decorre o julgamento de Silvio Berlusconi por envolvimento no denominado caso “Rubygate”.

Os protestos surgem após terem sido exigidos exames médicos para confirmar a alegada incapacidade do acusado participar nas sessões por razões de saúde.

“Temos um interlocutor em quem confiamos. Ele é o Presidente da República, que também é o Presidente do Conselho Superior de Magistratura. É um homem sábio que conhecemos a quem apresentaremos as nossas preocupações com a democracia italiana e a emergência de justiça neste país”, afirmou Angelino Alfano, secretário-geral do partido.

Entretanto, a procuradoria de Nápoles pediu que Berlusconi seja julgado imediatamente pela acusação de compra de votos quando Romano Prodi era primeiro-ministro.

O acusado é suspeito de ter pago três milhões de euros a Sergio de Gregorio, ex-senador do partido Itália dos Valores para que se juntasse ao seu partido, o Povo da Liberdade.

O pedido foi endereçado ao juiz de instrução pelos procuradores responsáveis pelo caso e justificado com a “evidência das provas apuradas”, que nem sequer foram precisas as declarações de Berlusconi, que foi chamado a depor por três vezes e nunca compareceu,