Última hora

Última hora

Venezuela: Maduro convoca maré vermelha para lançar campanha

Em leitura:

Venezuela: Maduro convoca maré vermelha para lançar campanha

Tamanho do texto Aa Aa

Nicolas Maduro convocou uma “maré vermelha” em Caracas, depois de depositar oficialmente a candidatura às presidenciais venezuelanas.

O presidente interino reuniu dezenas de milhares de apoiantes numa demonstração de força onde fez questão de frisar o compromisso com o programa definido pelo mentor, Hugo Chávez.

Maduro prometeu ao “Comandante” que não vai “falhar para com o povo”. “Os pobres, bem como toda a população do país, podem contar com um protetor para os anos de construção que têm pela frente”, afirmou.

Para além de lembrar e relembrar o legado de Chávez, o chefe de Estado interino prometeu “acabar” com a criminalidade galopante, que faz da Venezuela um dos países mais perigosos do mundo, com uma taxa oficial de homicídios oito vezes superior à média mundial.

O líder da oposição, Henrique Capriles – que também depositou ontem a candidatura – diz que se lança numa “luta desigual”, pois faz campanha não apenas “contra um homem, mas contra todo o aparelho do Estado”.