Última hora

Última hora

Cidadã suíça violada por grupo de homens

Em leitura:

Cidadã suíça violada por grupo de homens

Tamanho do texto Aa Aa

É o mais recente caso de violação em grupo na Índia. A polícia está a tentar apurar com rigor a alegada violação de uma turista suíça por 4 homens numa floresta no interior do país.

A cidadã helvética de 39 anos teria parado para acampar com o marido quando seguia de viagem em bicicleta para o Taj Mahal. Os dois foram então atacados por uma dezena de homens mas apenas 4 terão violentado a mulher. Os objetos pessoais de valor terão sido também roubados.

O ataque aconteceu no estado central de Madhya Pradesh e três meses depois da violação em grupo de uma jovem num autocarro, um caso bastante mediatizado que culminou com a morte da rapariga.

“Muitos incidentes de violência contra as mulheres têm sido expostos em Madhya Pradesh mas o governo está completamente insensível. Os acusados deviam ser castigados e devíamos ver que género de imagem da Índia nós estamos a dar ao mundo. O governo devia ser implacável”, alerta Mamata Sharma, líder da Comissão Nacional Indiana para as Mulheres.

Naquele que é o último incidente do género, o governo suíço exigiu às autoridades indianas que identifique os criminosos e os leve à justiça. Treze pessoas foram já interrogadas.