Última hora

Última hora

Chipre: Comunidade britânica revoltada

Em leitura:

Chipre: Comunidade britânica revoltada

Tamanho do texto Aa Aa

A comunidade britânica em Chipre está revoltada com a eventual criação de um imposto de 9,9% sobre os depósitos bancários superiores a 100 mil euros e 6,75% sobre depósitos de valor inferior.

Os termos do acordo com a União Europeia que incluirão este imposto serão hoje submetidos à ratificação do Parlamento.

“Terça-feira tenciono ir ao banco e levantar todo o dinheiro que tenho lá. Já não confio neles. É um roubo. Estão a roubar-me. A minha opinião é esta”, disse uma residente britânica.

“Acho que isto é particularmente injusto para as pessoas que pouparam e se esforçaram por ter algum dinheiro no banco. É um imposto encapotado sobre toda a gente. Compreendo que as pessoas que têm muito paguem mais, mas 6,75%, para mim, é muito dinheiro. É uma forma expedita de fazer Chipre pagar a sua parte”, afirmou um outro.

Por seu lado, Nicos Anastasiades, o presidente cipriota, disse que os impostos sobre os depósitos bancários foram a opção “menos dolorosa” do acordo de resgate ao país por parte da União Europeia.

“O Governo devia investigar profundamente e descobrir quem são os responsáveis por esta trapalhada, processá-los e mandá-los para a cadeia. Mesmo que seja o ex-presidente”, referiu um cidadão cipriota.