Última hora

Última hora

Cessar-fogo do PKK: "um desenvolvimento positivo" para Ancara

Em leitura:

Cessar-fogo do PKK: "um desenvolvimento positivo" para Ancara

Tamanho do texto Aa Aa

O anúncio do novo cessar-fogo do PKK ocorre em plenas celebrações do ano novo turco.

Mas, apesar do ambiente festivo vivido em Istambul, grande parte dos turcos tem razões para desconfiar daquela que é a quarta oferta de paz por parte dos separatistas curdos.

O primeiro-ministro Tayyp Erdowan mostra as mesmas reservas depois de ter reconhecido que, “o anúncio de cessar-fogo é um desenvolvimento positivo”, que “depende agora da sua implementação”.

Em Istambul, um residente mostra-se otimista:

“Penso que a mensagem de Ocalan é uma ótima notícia para todos pois finalmente poderemos viver em paz como antes. Quero felicitar todos os que participaram neste processo de paz”.

Outro residente é mais cético:

“Não acredito que Ocalan tenha um peso suficiente, na cadeia, para convencer aqueles que se encontram na frente de batalha. Tenho dúvidas de que a sua mensagem seja ouvida pelos outros combatentes para que abandonem as armas e abandonem a Turquia”.

O comandante militar do PKK, Murat Karaylian, anunciou hoje que vai respeitar o apelo de cessar-fogo emitido por Ocalan, sublinhando que o ano de 2013 será o ano da solução para o conflito, “quer seja pela guerra ou pela paz”.