Última hora

Última hora

Egípcios sem esperança na visita do Obama ao Médio Oriente

Em leitura:

Egípcios sem esperança na visita do Obama ao Médio Oriente

Tamanho do texto Aa Aa

O mundo está de olhos postos na visita de Barack Obama ao Médio Oriente. Mas no Cairo, a população não acredita que a deslocação do presidente norte-americano venha a ter resultados palpáveis na situação entre Israel e a Palestina.

“As promessas do passado também eram boas mas, infelizmente, 80 por cento não se materializaram… A América continua a apoiar Israel”, lamenta um cidadão, nas ruas da capital do Egito.

Uma opinião corroborada por outro, que diz: “É uma visita normal para um presidente… Mas Obama não será capaz de resolver o problema. E nós estamos fartos destas visitas, estamos fartos de quem fale muito. O que queremos de uma visita é uma reação no terreno.”

Concretamente, os egípcios gostariam que os Estados Unidos apoiassem o processo de paz através da aplicação dos acordos assinados entre Israel e a Palestina sob o auspício de Washington.

O correspondente da euronews no Cairo, Mohammed Shaukibrahim, explica: “Os egípcios são praticamente unânimes sobre a visita do presidente norte-americano ao Médio Oriente: ela não terá qualquer consequência nas relações entre os palestinianos e os israelitas. As repetidas promessas da administração norte-americana nunca conseguiram fazer avançar o ‘processo de paz’, como lhe chamam.”