Última hora

Última hora

Ataque separatista no Quénia mata oito pessoas

Em leitura:

Ataque separatista no Quénia mata oito pessoas

Tamanho do texto Aa Aa

No Quénia, um ataque de um grupo separatista a um casino de Malindi resultou, pelo menos, em oito mortos: seis dos atacantes e dois polícias.

Dezenas de pessoas ficaram feridas, na sequência do ataque, com armas de fogo e catanas, alegadamente levado a cabo por uma centena de membros do MRC, o Conselho da República de Mombaça, que defende a secessão desta zona costeira do país, maioritariamente muçulmana.

A estância balnear de Malindi, no oceano Índico, situa-se a uma centena de quilómetros do porto de Mombaça, segunda cidade do país. O fim de semana de Páscoa é uma das épocas altas da região, que acolhe muitos turistas estrangeiros. Não há notícias de turistas feridos.

A polícia deteve quatro suspeitos e procura os restantes, escondidos eventualmente na floresta em redor da cidade. O grupo separatista em causa é acusado de ter levado a cabo uma série de ataques poucas horas antes das eleições de 3 de março, provocando, pelo menos, 12 mortos.