Última hora

Última hora

Socorros retiram primeiro corpo da mina tibetana acidentada

Em leitura:

Socorros retiram primeiro corpo da mina tibetana acidentada

Tamanho do texto Aa Aa

Os socorros conseguiram recuperar um corpo da mina de metais no Tibete, onde um aluimento de terras deixou 83 mineiros soterrados.

Cerca de 2000 homens, ajudados por cães, continuam à procura dos mineiros, vítimas desta catástrofe que aconteceu às primeiras horas de sexta-feira, perto da capital do território, Lhasa.

A altitude de 4600 metros e as condições climáticas difíceis estão a dificultar a vida aos socorristas. Segundo as equipas no terreno, vai ser muito difícil encontrar sobreviventes.

Nos últimos anos, a China descobriu grandes quantidades de metais no Tibete e está a levar a cabo uma exploração intensiva.

Este desastre voltou a chamar a atenção para as condições das minas na China.

Também na sexta-feira, um outro desastre, no nordeste do país, matou 28 trabalhadores de uma mina de carvão.