Última hora

Última hora

Europeus temem nova aplicação do modelo de resgate usado em Chipre

Em leitura:

Europeus temem nova aplicação do modelo de resgate usado em Chipre

Tamanho do texto Aa Aa

Aumenta os receios de que o modelo de resgate em Chipre possa vir a ser utilizado noutros países europeus.

É o caso da Grécia. Um estudo, hoje, publicado revela que a maioria da população teme que os depósitos superiores a 100 mil euros possam vir a ser taxados.

Os pequenos depositantes cipriotas lembram que a crise trouxe outros problemas:

“Perdi o meu trabalho e a minha mulher vai sofrer mais cortes no salário. Neste momento, as despesas absorvem cerca de de 60% do rendimento e não podemos aguentar. Ir para o estrangeiro é uma opção” afirma um jovem.

A exportação de mão-de-obra qualificada é uma das consequências mais visíveis da crise da dívida, um pouco por toda a Europa. Outra, dizem os analistas pode ser a fuga de capitais. O modelo de resgate em Chipre está a gerar a desconfiança junto dos investidores e a aumentar a instabilidade na Zona Euro.