Última hora

Última hora

Médico de programa de tele-realidade suicida-se depois da morte de concorrente

Em leitura:

Médico de programa de tele-realidade suicida-se depois da morte de concorrente

Tamanho do texto Aa Aa

Depois da morte de um concorrente, o médico de um conhecido programa de tele-realidade da TF1, o principal canal privado de televisão francês, suicidou-se. Foi no Camboja. Deixou uma carta a explicar que a comunicação social lhe sujou o nome com acusações e suposições por causa da morte do concorrente há uma semana. Um ataque cardíaco roubou a vida a um dos concorrentes no primeiro dia de gravações da 16a época do programa chamado Koh-Lanta.

Thierry da Costa de 38 anos não terá aguentado a pressão.

A TF1 decidiu anular a edição deste ano do programa.