Última hora

Em leitura:

Março foi o mês mais sangrento em dois anos de conflito na Síria


Síria

Março foi o mês mais sangrento em dois anos de conflito na Síria

O mês de março foi o mais mortífero dos dois anos de conflito na Síria, com mais de 6 mil vítimas mortais, indicou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

Segundo este organismo, pelo menos 6.005 pessoas foram mortas das quais 2.080 eram civis, incluindo 298 crianças e jovens com menos de 16 anos.

Muitos dos combatentes rebeldes são civis que pegaram
em armas para derrubar o regime de Bashar al-Assad.

A organização não-governamental refere que as forças leais a Assad registaram 1.464 baixas.

Em janeiro as Nações Unidas divulgaram que mais de 70 mil pessoas tinham sido mortas na Síria desde março de 2011.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Chipre: Presidente apresenta plano económico aos líderes partidários