Última hora

Última hora

UE avisou, Monti vai pagar

Em leitura:

UE avisou, Monti vai pagar

Tamanho do texto Aa Aa

Perante os avisos da União Europeia, Mario Monti não vai esperar mais. Está finalmente prevista para este fim de semana a aprovação governamental do decreto que determina o pagamento imediato de dívidas do Estado italiano ao setor privado. Há muito que os fornecedores reclamam 40 mil milhões de euros para manter a sustentabilidade do tecido produtivo.

Foi o Comissário Europeu dos Assuntos Económicos, Olli Rehn, através do seu porta-voz, que veio apressar Monti: “a Comissão está à espera que o governo faça avançar o decreto para colmatar a urgência da dívida comercial às empresas italianas.”

No entanto, o total em falta será mais do dobro. A braços com a recessão, o governo provisório de Monti deverá desbloquear fundos para cumprir parte das suas obrigações em duas tranches: metade no segundo semestre deste ano, metade no início do próximo.