Última hora

Última hora

Ameaças da Coreia do Norte colocam Japão em estado de alerta máximo

Em leitura:

Ameaças da Coreia do Norte colocam Japão em estado de alerta máximo

Tamanho do texto Aa Aa

Todas as precauções são poucas em tempos de crise e apesar da maioria dos peritos considerar que as ameaças da Coreia do Norte não passam disso mesmo, o Japão leva-as muito a sério e começou a instalar no centro de Tóquio sistemas antimíssil terra-ar para intercetar possíveis ataques norte-coreanos.

Narushige Michishita, do Instituto de Estudos Políticos japonês, defende que Pyongyang “tem que manter uma situação de tensão, mas ao fazê-lo pode causar reações, nomeadamente da Coreia do Sul, e isso pode levar a um início de conflito, inicialmente com ataques militares de pequena envergadura, mas também pode criar um conflito maior.”

Para além da instalação de unidades Patriot na capital, o governo nipónico mobilizou soldados e mais de uma dezena de caças F15 estão em alerta total. O Ministério da Defesa terá também colocado em alerta navios de guerra com capacidade para abater qualquer míssil que possa sobrevoar o território nacional.