Última hora

Em leitura:

Explosão de duas bombas mata na Maratona de Boston


mundo

Explosão de duas bombas mata na Maratona de Boston

Duas explosões, com 12 segundos de intervalo, a cem metros de distância, semearam a morte e o caos na linha de chegada da tradicional Maratona de Boston.

Num primeiro balanço três pessoas foram mortas, incluindo uma criança de 8 anos de idade e 130 ficaram feridas.

Em ambos os lados da Boylston Street, centenas de espectadores encontravam-se ainda a aplaudir os finalistas quando se ouviu a primeira deflagração e logo depois uma segunda.

Este participante conta: “ Eu estava a assisitir à chegada quando ouvi uma explosão. Havia muito fumo a sair, uma nuvem branca. É chocante, não sei de que forma posso explicar.”

“Havia aqui famílias ao nosso redor com crianças aos gritos a correr. Em redor os grandes edifícios metiam medo”.

Entre os feridos encontram-se 17 em estado crítico. As vítimas foram levadas para oito hospitais locais e são na sua maioria jovens.

A polícia lançou uma vasta operção de busca de outros eventuais explosivos tendo descoberto dois engenhos ainda desactivados na em Boylston Street .

As investigações concentram-se, para já, sobre um suspeito, um homem não identificado que foi visto a fugir da área da primeira explosão.

Uma zona de 15 quarteirões ao redor de Boston Copley Square foi evacuda e a segurança reforçada em torno da cidade e também aumentada em torno de Washington e Nova Iorque.

.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Obama promete encontrar os autores do"ato de terror" em Boston