Última hora

Última hora

Carta suspeita dirigida a Obama continha rícino

Em leitura:

Carta suspeita dirigida a Obama continha rícino

Tamanho do texto Aa Aa

A carta suspeita endereçada a Barack Obama e enviada à Casa Branca contém rícino, um veneno mortífero. A informação é avançada pelo FBI, que se baseia em testes preliminares e que explicou que serão conduzidas análises para apurar a natureza exata da substância.

Os serviços secretos norte-americanos precisaram que não existe ligação aparente com o duplo atentado de domingo em Boston.

O porta-voz da Casa Branca, Jay Carney, explicou que a carta “dirigida ao Presidente” foi detetada na terça-feira num centro de triagem dos serviços postais localizado fora do complexo presidencial, o que motivou os primeiros testes. Carney frisou que “o FBI está a liderar a investigação e irá conduzir testes adicionais”.

Suspeitas sobre outras duas cartas e uma encomenda motivaram a evacuação de dois edifícios do Senado, mas os testes revelaram que se tratou de um falso alarme.

Na terça-feira, as autoridades tinham intercetado uma carta que continha rícino, dirigida ao senador republicano Roger Wicker.