Última hora

Última hora

"The National" abrem a cortina do Tribeca

Em leitura:

"The National" abrem a cortina do Tribeca

Tamanho do texto Aa Aa

O festival Tribeca abre com “Mistaken for Strangers”, um documentário sobre os “The National”. O festival de cinema, fundado por Robert De Niro, entra por territórios menos convencionais e presta tributo à aclamada banda indie rock.

Jane Rosenthal, co fundadora do festival: “Estou ansiosa por “Mistaken for Strangers”. É um documentário com o qual estamos a abrir o festival de cinema, e é sobre a banda de indie rock “The National”. É uma história muito comovente sobre dois irmãos. Vai ser uma abertura muito divertida e diferente para nós.”

Descreve as experiências do realizador Tom Berninger, em digressão com o irmão, Matt, o vocalista da banda. Este ano destaca-se a homenagem a Nelson Mandela, que tem apoiado o Tribeca desde que foi criado, para revitalizar os bairros de Nova York devastados nos atentados do 11 de setembro.

Robert De Niro, ator: “Ele esteve connosco no primeiro festival. Já tivemos alguns eventos com Mandela, quando veio pela primeira vez aos Estados Unidos. Portanto, é apropriado fazer isto agora, quando vai fazer 95 anos em breve.”

O programa do festival é dominado por figuras de proa ente elas Michael Haneke, o galardoado realizador, que eleva o cinema de autor europeu ao mais alto patamar. “Michael H. Profissão: Realizador” é uma homenagem ao autor de “Amour”, o filme que ganhou um Óscar e um lugar na memória de quem o viu.