Última hora

Última hora

Estados Unidos tentam aproximar afegãos e paquistaneses

Em leitura:

Estados Unidos tentam aproximar afegãos e paquistaneses

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, reuniu-se esta quarta-feira, em Bruxelas, com o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, e o chefe do exército paquistanês, Ashfaq Kayani.

Um encontro patrocinado pelos Estados Unidos, numa tentativa de aproximar os dois países vizinhos, com vista à retirada de uma grande parte das tropas internacionais do Afeganistão.

John Kerry disse aos jornalistas:
“Estamos muito satisfeitos por estarmos aqui, para continuarmos as conversas trilaterais sobre questões de segurança e outras relacionadas com as relações entre os países da região, assim como o calendário daqui até 2014”.

A retirada das forças internacionais está prevista até ao final do próximo ano, mas as relações entre o Afeganistão e os Paquistão, que partilham 2400 quilómetros de fronteira, são preocupantes.

Onze anos de presença militar estrangeira não foram suficientes para acabar com a rebelião talibã.
Cabul e Islamabad acusam-se mutuamente de responsabilidades na violência provocada pelo rebeldes na região.