Última hora

Última hora

"The Reluctant Fundamentalist" e o Sonho Americano

Em leitura:

"The Reluctant Fundamentalist" e o Sonho Americano

Tamanho do texto Aa Aa

Com uma licenciatura em Princeton, o futuro nos Estados Unidos parece ser brilhante para o emigrante paquistanês Changez, com um trabalho bem pago em Wall Street e acompanhado por Erica, a sua bela namorada. Mas logo depois acontecem os atentados do 11 de setembro e o mundo fica virado ao contrário. Baseado no romance homónimo de Mohsin Hamid, no filme “The Reluctant Fundamentalist” brilham estrelas como Riz Ahmed, Kate Hudson e Kiefer Sutherland.

Kiefer Sutherland, Ator: “O 11 de setembro teve um efeito profundo em mim e nunca tinha pensado nisso nesta perspetiva. Passamos grande parte do tempo concentrados nas pessoas, nas torres e nas famílias, e justamente, e nas pessoas nos aviões e nas suas famílias e na grande perda que está imediatamente à nossa frente, mas houve um efeito cascata no 11/9 e a vida das pessoas foi alterada profundamente. E muitas destas coisas que mais odeio: o racismo, o preconceito, a ignorância, o medo. Este filme e o guião vêm essa perspetiva, eu não, e fiquei envergonhado por não ter pensado nisso”.

O filme é da aclamada escritora e realizadora Mira Nair, uma pessoa do mundo com casa na Índia, no Uganda e nos Estados Unidos

Mira Nair, Realizadora: “Vivi nos dois lados do mundo ativamente e sou um híbrido de ambos. Foi isso que a estrutura do romance me deu, não apenas uma oportunidade de fazer um conto moderno sobre um jovem homem paquistanês, que sonha com a América, mas também foi um diálogo com a América, com um homem americano com quem ele fala, que no filme é a personagem interpretada por Liev Schreiber, mas no romance era um monólogo e o americano não falava”.

Depois de ter sido apresentando em vários festivais de cinema, “The Reluctant Fundamentalist” chega em breve à Europa.