Última hora

Última hora

Grécia: Confrontos após a extrema-direita ter sido impedida de distribuir alimentos junto ao Parlamento

Em leitura:

Grécia: Confrontos após a extrema-direita ter sido impedida de distribuir alimentos junto ao Parlamento

Tamanho do texto Aa Aa

Tensão e algumas escaramuças esta quinta-feira em Atenas quando a polícia impediu uma ação de distribuição de alimentos, do partido de extrema-direita Aurora Dourada, reservada apenas a gregos.

Na sequência da proibição, um deputado do Aurora Dourada tentou agredir com um soco o presidente da Câmara de Atenas mas acabou por atingir uma rapariga de 12 anos.

O presidente da Câmara impediu a distribuição de víveres por considerar tratar-se de “uma sopa do ódio”.

Falhada a distribuição de alimentos junto ao Parlamento, na praça Syntagma, o grupo de extrema-direita acabou por entregar os mantimentos “só para gregos” à frente da sede do partido.

O Aurora Dourada entrou pela primeira vez no Parlamento em 2012 após eleições em que alcançou 7% dos votos e elegeu 18 deputados graças a um discurso xenófobo numa Grécia em crise profunda.