Última hora

Última hora

PM italiano pede urgência à UE no combate ao desemprego jovem

Em leitura:

PM italiano pede urgência à UE no combate ao desemprego jovem

Tamanho do texto Aa Aa

O novo primeiro-ministro de Itália prometeu manter o curso das reformas do anterior governo, liderado por Mario Monti, depois de se reunir com o presidente da Comissão Europeia, esta quinta-feira, em Bruxelas.

Mas Enrico Letta elegeu como maior desafio o combate ao desemprego jovem, que em Itália atinge os 38,4%.

“Regresso a Roma otimista, mais otimista do que quando de lá saí. Quero que o governo italiano cumpra o seu dever, fazendo as reformas que são necessárias e devolvendo a credibilidade à política. Mas, ao mesmo tempo, precisamos que a Europa dê respostas positivas aos cidadãos e se mostre compreensiva com a fadiga social que se vive”, explicou o chefe do Governo italiano.

Barroso disse partilhar desse sentido de urgência e admitiu que a execução do chamado “Pacto para o crescimento” está aquém das expectativas.

“Precisamos ir além da política de correção dos défices e aplicar importantes medidas de reforma para a competitividade das nossas economias e também medidas que, a curto prazo, possam relançar a esperança, sobretudo para os jovens”, afirmou José Manuel Barroso.

Enrico Letta encontrou-se, também, como o presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompy, e pediu que a cimeira de líderes, em Junho, encontre soluções concretas para o desemprego.