Última hora

Última hora

Turquia preocupada com utilização de armas químicas na guerra na Síria

Em leitura:

Turquia preocupada com utilização de armas químicas na guerra na Síria

Tamanho do texto Aa Aa

Cresce a inquietação do lado turco da fronteira quanto à utilização de armas químicas na guerra na Síria. As autoridades de Ancara começaram a recolher amostras sanguíneas de vítimas do conflito para determinarem se houve recurso a armas químicas.

Terça-feira, Barack Obama advertiu que o uso de armas químicas contra a população síria pode levar os Estados Unidos a intervirem militarmente.

Junto à fronteira, os responsáveis turcos locais referem que “cada vez que passa uma ambulância, a população fica preocupada e quer saber como é que o paciente foi ferido ou morto e se foi vítima de armas químicas”, uma pergunta constantemente repetida nos últimos dias.

Nas últimas semanas, o regime de Bashar al-Assad e os rebeldes sírios têm trocado acusações sobre a utilização de armas químicas no conflito. Os Estados Unidos têm a certeza que já foram utilizadas armas químicas mas ainda estão a determinar onde, quando e quem recorreu a elas.