Última hora

Última hora

Austrália investe em mais Defesa

Em leitura:

Austrália investe em mais Defesa

Tamanho do texto Aa Aa

A Austrália anunciou a compra de doze aviões Boeings EA-18 Growler. O custo dos novos aparelhos militares rondará os 1,5 mil milhões de dólares. Camberra prevê ainda adquirir 14 Joint Strike Fighters (JSF), da, também americana, Lockheed, por mais 3,2 mil milhões.

O anúncio foi feito por Julia Gillard, primeira-ministra australiana, que pede igual transparência aos países vizinhos: “Gostaríamos de ver transparência, por parte da China, à medida que se moderniza militarmente. Estamos a ser muito transparentes em relação à posição e à visão de defesa da Austrália e fazemos pressão que os outros tenham o mesmo tipo de transparência.”

O Livro Branco da Defesa australiano, agora divulgado, é, contudo, mais conciliador face à China, do que o anterior documento, de 2009.

Camberra assume querer ter um papel a desempenhar na manutenção de paz da região Indo-Pacífica, onde a relação entre os Estados Unidos e a China continua a ser um fator determinante na estratégia de defesa do país.