Última hora

Última hora

Vice-presidente do parlamento britânico detido por violação sexual

Em leitura:

Vice-presidente do parlamento britânico detido por violação sexual

Tamanho do texto Aa Aa

O vice-presidente da câmara dos comuns britânica, Nigel Evans, foi detido este sábado, na sua casa de campo em Pendleton, no Lancashire, acusado de violação e agressão sexual de dois jovens.

Segundo os media britânicos, o político de 55 anos é acusado de ter violado um homem e agredido sexualmente outro entre Julho de 2009 e Março de 2013.

As mesmas fontes afirmam que as duas alegadas vítimas terão hoje cerca de 20 anos, sem precisar se eram menores na época dos alegados crimes.

As acusações surgem quatro anos depois do deputado e antigo vice-presidente do partido conservador ter revelado em público a sua homossexualidade, alegadamente depois de ter sido alvo de chantagem por parte de um dos seus colegas de partido.

A detenção de Evans constitui um novo golpe para o governo conservador que se encontra em queda nas sondagens face à popularidade crescente do partido da Independência (UKIP). A formação eurocética tinha obtido um quarto dos votos nas municipais de há alguns dias, parte dos quais provenientes do eleitorado conservador.