Última hora

Última hora

França e Rússia celebram o final da segunda guerra mundial

Em leitura:

França e Rússia celebram o final da segunda guerra mundial

Tamanho do texto Aa Aa

O 68o aniversário do fim da segunda guerra mundial foi celebrado hoje, em Paris, com uma mensagem de reconciliação.

O presidente François Hollande participou nas cerimónias oficiais sob o arco do triunfo, ao lado do seu homólogo polaco, Bronislaw Komorowski.

Uma oportunidade para os dois homens apelarem a uma união mais forte do eixo Paris, Berlim e Varsóvia, em defesa, “de uma Europa do crescimento económico e do emprego”.

Sessenta e oito anos após a rendição do regime nazi, a data é assinalada igualmente na Rússia, amanhã, como o “dia da vitória”, na chamada “grande guerra patriótica”.

Na véspera do aniversário, o presidente Vladimir Putin depositou uma coroa de flores junto ao monumento do soldado desconhecido em Moscovo.

O fim da segunda guerra mundial marca o início de uma longa ocupação dos territórios “libertados” por parte do regime soviético.

No país, a hora é também de reconciliação, dois ex-combatentes, um russo e um alemão participarão nas cerimónias oficiais depois de terem publicado um livro conjunto com as duas visões opostas do conflito bélico.

A jornada de oito de maio assinala a capitulação do regime de Adolf Hitler na Alemanha, depois de cinco anos de um dos conflitos mais mortíferos da história. Mais de 50 milhões de pessoas morreram, nos dois campos, a maioria civis.