Última hora

Última hora

França: Festa da vitória do PSG semeia caos em Paris

Em leitura:

França: Festa da vitória do PSG semeia caos em Paris

Tamanho do texto Aa Aa

Paris acordou esta manhã em choque com o estado em que se encontra a área do Trocadero, depois dos distúrbios durante a noite em que o PSG deveria festejar a vitória no campeonato francês de futebol.

Os festejos degeneraram em confrontos. 32 pessoas ficaram feridas, 30 foram detidas. Numerosas montras, carros e mobiliário urbano foram destruídos.

Um parisiense mostra-se revoltado e triste:
“É muito triste e é uma imagem catastrófica que damos ao estrangeiro. Não precisávamos disto. Temos tantas dificuldades, não precisávamos deste tipo de comportamentos que são prejudiciais para o país inteiro”.

O ministro do Interior, Manuel Vals, condenou os atos de violência e vandalismo e responsabilizou o futebol.

“Os parisienses esperavam esta vitória, mas evidentemente, o futebol ainda está doente – é o caso do Paris Saint-German, mas também de numerosos clubes, porque quero lembrar que proibimos regularmente a entrada de apoiantes em alguns estádios.”

Em comunicado, o Paris Saint-German lamenta o ocorrido e denuncia algumas centenas de provocadores que vieram para estragar a festa, prometendo celebrar a vitória no campeonato, por ocasião do jogo com o Brest, no sábado, no Parque dos Príncipes.

Em termos políticos, a polémica não se fez esperar, com a direita francesa a pedir a demissão do perfeito e a acusar o governo de amadorismo.