Última hora

Última hora

Jornada internacional contra a homofobia

Em leitura:

Jornada internacional contra a homofobia

Tamanho do texto Aa Aa

Multiplicam-se pela Europa as ações contra a Homofobia.

A rainha Maxima da Holanda fez uma das suas primeiras aparições públicas num jantar para assinalar o Dia Internacional Contra a Homofobia (IDAHO) em Haia.

A associaçao IDAHO deu uma conferência de dois dias que termina hoje. A ministra holandesa para a emancipação foi uma das participantes.

“Mesmo que pensem que somos líderes na Europa, a Holanda está ainda em sexto lugar quando se trata da igualdade jurídica lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros atrás de Reino Unido, Bélgica, Noruega, Suécia, Espanha e Portugal, que partilham a quarta posição”.

O dia de hoje tornou-se a Jornada Internacional Contra a Homofobia, porque na mesma data, em 1991, a Organização Mundial de Saúde decidiu retirar a homossexualidade da sua lista de doenças mentais.

No mundo existem 1,5 mil de pessoas sujeitas a leis repressivas devido à sua orientação sexual.