Última hora

Última hora

Orban e Merkel: guerra de palavras ou mal-entendido?

Em leitura:

Orban e Merkel: guerra de palavras ou mal-entendido?

Tamanho do texto Aa Aa

As declarações do chefe de governo húngaro caíram mal em Berlim. Viktor Orban comparou a política da chanceler alemã à ocupação nazi de Budapeste de 1944 em resposta aquilo que julgava ser um ataque de Angela Merkel, mas terá compreendido mal a mensagem.

Durante um fórum europeu na Alemanha, Merkel prometeu tudo fazer para “trazer a Hungria para o caminho certo” em matéria de direitos fundamentais e democracia, mas recusou, e passo a citar, “enviar a cavalaria.” Uma expressão utilizada antes por Peer Steinbruck, adversário nas legislativas de setembro que tinha defendido a exclusão do país da União Europeia.

Na resposta, Orban disse que “os alemães já enviaram a cavalaria sob forma de tanques” e pediu que não repitam uma má ideia do passado.

O chefe da diplomacia húngaro já veio a público dizer que tudo não passou de um mal-entendido.