Última hora

Última hora

Assassínio de militar em Londres é "provavelmente" um ato terrorista

Em leitura:

Assassínio de militar em Londres é "provavelmente" um ato terrorista

Tamanho do texto Aa Aa

O governo britânico convocou uma reunião de emergência após o assassínio de um militar, esta quarta-feira, em Woolwich, no sul de Londres. As circunstâncias não são para já claras, mas segundo algumas fontes, a vítima teria sido atacada por dois homens armados que terão sido, posteriormente, alvejados pela polícia.

O primeiro-ministro, David Cameron, já reagiu: “Este é um crime terrível. A polícia está, obviamente, à procura de todos os factos sobre o caso, mas há uma forte probabilidade de que se trate de um ato terrorista.”

O militar foi morto à machadada, perto da quartel de Woolwich, no sudeste londrino. Os dois alegados assassinos, entretanto alvejados pela polícia, foram hospitalizados.