Última hora

Última hora

Em leitura:

Aniversário de Wagner na Ópera de Leipzig


Cultura

Aniversário de Wagner na Ópera de Leipzig

Grandioso, dramático, harmónico e controverso. Duzentos anos depois do seu nascimento, o compositor alemão Richard Wagner continua a inspirar e a provocar o debate. Desde o estilo musical até aos pontos de vista antissemitas, as opiniões sobre o compositor são sempre fortes.

Nasceu no seio de uma família pobre a 22 de maio de 1813, nos bairros judeus de Leipzig.

Ulf Schirmer, diretor da Ópera de Leipzig: “Wagner tem uma intensidade inacreditável nos seus trabalhos e uma credibilidade psicológica incrível. Tem uma maneira de escrever música que fala diretamente aos nossos sentimentos.”

Óperas de Wagner podem ser longas e exigentes. “Rheingold” tem a duração de duas horas e meia e a ação e move-se nas discussões entre deuses e gigantes.

Ulf Schirmer: “Creio que toda a música moderna é influenciada por ele, não apenas a música moderna que, por vezes, apelidamos de “música de gueto”, mas toda a música, o rock e a pop também. Tudo isto não teria sido possível sem Wagner. Ele foi muito importante para o desenvolvimento da música, com as suas harmonias, através da sua franqueza, do teatro bombástico. E ainda hoje outros baseiam a sua obra nele.”

O famoso coro St. Thomas também está a prestar homenagem ao compositor. Esta semana, na sua terra natal acontece um grande festival, com novas óperas de Wagner todas as noites.

Escolhas do editor

Artigo seguinte
Boracay não se fica pelo título de paraíso tropical

life

Boracay não se fica pelo título de paraíso tropical