Última hora

Última hora

Caso Tapie/Crédit Lyonnais: Segundo dia de audiência para Christine Lagarde

Em leitura:

Caso Tapie/Crédit Lyonnais: Segundo dia de audiência para Christine Lagarde

Tamanho do texto Aa Aa

É hoje que Christine Lagarde saberá se vai ou não ser indiciada pelo desvio de fundos públicos. A diretora do FMI começou a ser ouvida, esta quinta-feira, pela justiça francesa. Uma audiência que durou mais de 12 horas, perante três juízes do Tribunal de Justiça da República, encarregado de julgar ex-membros ou membros do governo.

Em causa, a ação da ex-ministra francesa da Economia no alegado favorecimento do empresário e ex-político Bernard Tapie, em 2007, quando um tribunal arbitral concedeu uma indemnização de 403 milhões de euros ao homem de negócios, pela perdas do Crédit Lyonnais.

A justiça quer igualmente apurar se houve alguma intervenção do ex-presidente Nicolas Sarkozy, amigo pessoal de Tapie, para facilitar a indemnização milionária.

Como explica o correspondente de euronews em Paris, Giovanni Magi, “um dia inteiro de audiência não foi suficiente para a justiça tomar uma decisão tendo em conta que muitas questões estão ainda em aberto, assim como as eventuais consequências para a diretora do Fundo Monetário Internacional, Christine Lagarde”.