Última hora

Última hora

Síria: novos confrontos entre fações rivais no norte do Líbano

Em leitura:

Síria: novos confrontos entre fações rivais no norte do Líbano

Tamanho do texto Aa Aa

Cinco mortos e mais de 50 feridos é o balanço de confrontos entre milícias libanesas próximas de grupos sírios rivais. Trata-se dos mais violentos confrontos numa cidade libanesa desde o início do conflito na vizinha Síria. Morteiros, roquetes e armadas automáticas foram utilizados nos combates em Tripoli, no norte do Líbano.

O analista político Younes Awdeh considera que “as sementes da guerra existem no Líbano. Se a situação na Síria continuar a piorar, a tensão vai aumentar e pode haver uma situação de conflito no Líbano.”

Pelo menos 18 pessoas morreram e mais de 170 ficaram feridas em Tripoli desde domingo, data do início de uma nova vaga de confrontos entre fações partidárias de grupos sírios rivais.

De acordo com rebeldes sírios, os combates em Tripoli tiveram início depois do ataque das forças de Bashar al-Assad contra a cidade fronteiriça de Qusair, onde membros do braço armado do Hezbollah libanês estão a combater ao lado do exército de Damasco.

Para além dos confrontos, o grande número de refugiados sírios que atravessa todos os dias a fronteira com o Líbano também está na origem da tensão entre os dois países.