Última hora

Última hora

ONU inquieta pelos civis enquanto clérigo sunita apela a guerra santa na Síria

Em leitura:

ONU inquieta pelos civis enquanto clérigo sunita apela a guerra santa na Síria

Tamanho do texto Aa Aa

A ONU pede ao regime e rebeldes que protejam a população civil, enquanto um influente clérigo sunita apela à guerra santa na Síria.

As agências humanitárias das Nações Unidas dizem ter “informações de ataques indiscriminados contra bairros civis” e “importantes violações dos Direitos Humanos” em Qusair, cidade estratégica onde o Exército e a rebelião protagonizam há duas semanas violentos combates.

O secretário-geral da ONU apelou a ambas as partes para deixarem que os civis encurralados saiam de Qusair.

Na cidade fronteiriça de Tripoli, no vizinho Líbano, cada vez mais sunitas libaneses manifestam o apoio aos rebeldes sírios. Muitos dizem-se mesmo dispostos a combater pela rebelião.

O clérigo sunita Bilal Masri denuncia a intervenção do movimento xiita libanês Hezbollah, que combate ao lado das forças de Bashar Al-Assad, acusando-o de “assassinar inocentes”.

Desde o Qatar, o influente líder religioso sunita Youssef al-Karadaoui vai mais longe, tendo apelado a uma guerra santa na Síria, em resposta ao envolvimento das milícias xiitas do Hezbollah.