Última hora

Em leitura:

Novos confrontos em Istambul fazem um morto


Turquia

Novos confrontos em Istambul fazem um morto

Istambul viveu mais uma noite violenta, mas a situação acalmou com o romper do dia.

De madrugada, os manifestantes que tentaram forçar a entrada no gabinete do primeiro-ministro foram reprimidos pela polícia e geraram-se confrontos.

Um jovem morreu quando um carro avançou sobre a multidão de manifestantes. Durante a noite, milhares de pessoas voltaram a ocupar a Praça Taksim, principal palco das manifestações na maior cidade da Turquia.

Entretanto, a Confederação dos Sindicatos dos Trabalhadores Públicos juntou-se à contestação e convocou uma greve para hoje e amanhã.

Já durante a manhã, a situação esteve mais calma.

O primeiro-ministro Recep Tayyp Erdogan acusou os manifestantes de “andarem de braço dado com os terroristas”. As manifestações começaram na sexta-feira. O que era inicialmente um protesto contra a construção de um centro comercial tornou-se numa onda de revolta contra o governo e em defesa do laicismo do Estado.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Famílias das vítimas de incêndio na China exigem justiça