Última hora

Última hora

Oito mortos nas inundações na República Checa

Em leitura:

Oito mortos nas inundações na República Checa

Tamanho do texto Aa Aa

As inundações na República Checa já mataram oito pessoas. Foi o país onde a força das águas cobrou mais vidas até agora.

A subida do caudal do rio Moldova provocou enormes preocupações na cidade de Praga, a capital do país, parcialmente inundada em 2002.

Muitas ruas estão outra vez submersas. A Ponte Carlos, uma das maiores atrações turísticas da cidade, esteve encerrada nos últimos dias. Turistas e residentes foram apanhados de surpresa,,,

“Estou assustado”, diz um rapazinho.

O pai fala-lhe das comportas para o tranquilizar:
“Isto é como foi há dez anos, estamos um pouco assustados, mas pelo menos agora temos as comportas”.

Os turistas que não têm podido disfrutar da cidade, aproveitam para levar memórias de um cenário surpreendente. O presidente da câmara queixa-se mesmo dos chamados “turistas das inundações” que arriscam ir a sitios perigosos para fotografar as águas.

Um turista australiano diz-se triste por não poder atravessar a Ponte Carlos:

“Estivémos aqui ontem, voltámos hoje e vamos voltar amanhã, talvez o rio já tenha descido o suficiente. Mas vamos ter que esperar para ver”.

O débito do rio Moldova atingiu esta terça-feira três mil metros cúbicos por segundo e nem o zoo resistiu à invasão das águas.

“Parece-me que a maioria das pessoas aqui em Praga está calma
com o que está a acontecer, mas falei com várias pessoas que se lembram muito bem que as cheias de há 11 anos destruiram a cidade e têm medo que isso aconteça outra vez.”, conta, a reporter da euronews, Andrea Hajagos.

Floods in Prague, before and after

  • Floods in Prague

    Kampa Museum on Google Maps

  • Kampa Museum after the flood

  • Smetanovo nábřeží on Google Maps

  • Smetanovo nábřeží after the flood

  • Stefanikuv bridge, Google Maps

  • Stefanikuv bridge after the flood

  • From Legil bridge, Google Maps

  • From Legil bridge after the flood

  • Palmovka area on Google Maps

  • Palmovka area after the flood