Última hora

Última hora

BCE mantém taxas inalteradas mas baixa previsões económicas

Em leitura:

BCE mantém taxas inalteradas mas baixa previsões económicas

Tamanho do texto Aa Aa

O Banco Central Europeu (BCE) manteve inalterada a política monetária, mas baixou as previsões de crescimento e inflação para a zona euro este ano.

A instituição manteve a taxa de referência no mínimo histórico de 0,5% e decidiu manter em 0% a taxa relativa aos depósitos, apesar de terem discutido baixá-la para terreno negativo.

Mario Draghi, presidente do BCE, defende que “o Conselho de Governadores continua a ver sinais contracionistas nas previsôes económicas da zona euro. O PIB recua há seis trimestres consecutivos e as condições do mercado laboral mantém-se fracas. Os recentes desenvolvimentos em termos dos índices de confiança mostraram alguma melhoria, mas mantém-se em níveis baixos”.

A fragilidade da situação económica levou o BCE a baixar as estimativas para este ano. A recessão da zona euro deverá atingir os 0,6%, mais uma décima do que o previsto em março.

A previsão de inflação baixa também. O BCE espera agora uma taxa de 1,4% (contra 1,6% em março), mas garante que não há um risco de deflação, já que a queda dos preços apenas atinge certos produtos.

A economia da zona euro deverá emergir da recessão no próximo ano, reiterou Mario Draghi.