Última hora

Última hora

Piratas da Somália

Em leitura:

Piratas da Somália

Tamanho do texto Aa Aa

“The Hijacking”, “O Sequestro’ conta a emocionante história de quatro meses de negociações a propósito de um navio mercante dinamarquês, apreendido por piratas somalis no Oceano Índico. Um filme escrito e realizado por Tobias Lindholm.

Pilou Asbaek: “Filmámos fora da costa do Quénia, durante três semanas, seis dias por semana e realmente tivemos guardas armados porque estávamos a navegar para a Somália, por isso foi bastante perigoso.”

O filme centra-se no tenso jogo de xadrez que envolve as negociação dos reféns.

Pilou Asbaek: “É a maneira mais fácil de agir, se tudo o que estiver à volta for tão realista quanto possível. Esta é a razão pela qual fomos num barco que foi pirateado antes e usamos os tripulantes que já tinham sido sequestrados, porque queríamos que o filme fosse tão realista quanto possível, porque, de alguma forma, se elimina a atuação e concentra-se apenas no “ser”.

Com os ataques a cair em 75% este ano, graças ao aumento da segurança nos navios, à prevenção e à condenação dos piratas em prisões sombrias da Somália, os diplomatas têm celebrado este combate bem sucedido à pirataria.

Exibido nos principais festivais de cinema “The Hijacking” já recebeu nove prémios internacionais e faz qualquer pessoa querer saltar do navio.