Última hora

Última hora

Orações no Parque Gezi recordam vítimas mortais dos protestos

Em leitura:

Orações no Parque Gezi recordam vítimas mortais dos protestos

Tamanho do texto Aa Aa

Não desmobilizar da Praça Taksim. Essas são as palavras de ordem para o imenso grupo de pessoas que assentou arraiais no coração do protesto turco.

No Parque Gezi, que motivou a contestação inicial, as orações muçulmanas de sexta-feira terminaram com uma homenagem às três vítimas mortais das manifestações dos últimos dias.

Para já, a intransigência do primeiro-ministro ainda não inflamou os ânimos, apesar de praticamente toda a imprensa turca destacar o vigoroso discurso que Erdogan proferiu perante uma multidão de apoiantes, à chegada a Istambul durante a noite, exigindo “o fim imediato” dos ajuntamentos.

Em Ancara, no Parque Kugulu, o método de intervenção alterou-se: há polícias à paisana a tentar convencer os manifestantes a deixar o local.