Última hora

Última hora

Serena Williams vence Sharapova na final de Roland Garros

Em leitura:

Serena Williams vence Sharapova na final de Roland Garros

Tamanho do texto Aa Aa

Serena Williams conquistou aos 31 anos o segundo título de Roland Garros e tornou-se na mais velha tenista desde 1958 a erguer a Taça Suzanne Lengle, que premeia a campeã do Open de França. Depois da vitória na final de 2002 diante da própria irmã, Venus Williams, desta feita Serena levou de vencida, por 2-0 (duplo 6-4), a russa Maria Sharapova, de 26 anos, vencedora em Roland Garros há um ano.

Foi o 16.° título em torneios do Grand Slam para a norte-americana e a terceira final desta época ganha por Serena diante de Sharapova, depois dos torneios de Miami e Madrid. A isso, nos recentes confrontos entre ambas, pode ainda juntar-se a meia-final no torneio do Dubai, ganha igualmente por Serena Williams, que viria, porém, a perder essa final para a bielorrussa Victoria Azarenka. No total, as duas tenistas já se defrontaram em 16 ocasiões e a vantagem é claramente da norte-americana, agora com 14 vitórias. Desde 2004, na final de Wimbledon, que Sharapova não vence Serena.

Este sábado, em Roland Garros, Serena Williams, a atual número 1 do Mundo, revelou-se sempre mais forte do que Sharapova, número 2 do ranking. O ponto da vitória surgiu após 1h40min de jogo e na forma de um potente ás que deixou a russa sem outra reação senão abandonar a quadra cabisbaixa.

Com esta final do Open de França, Serena Williams alargou ainda para 31 o número de jogos consecutivos a vencer. É um sucesso que a norte-americana partilha com o treinador de há um ano a esta parte, Patrick Mouratoglou. Desde que começaram a trabalhar juntos, Serena foi campeã em Wimbledon, no US Open e agora em Roland Garros, além de duas medalhas de ouro olímpicas.