Última hora

Última hora

Mandela entre a vida e a morte

Em leitura:

Mandela entre a vida e a morte

Tamanho do texto Aa Aa

A África do Sul sustém a respiração por Nelson Mandela. Verdadeiro símbolo nacional, aquele que foi o primeiro presidente negro do país está entre a vida e a morte, aos 94 anos.

Mandela está em todas as primeiras páginas dos jornais, mas um deles foi talvez demasiado longe. O Sunday Times, ao escrever no título que “é tempo de o deixar ir embora”, sugerindo que a família o deve deixar morrer, caso a situação se agrave.

No entanto, segundo os últimos relatórios médicos, Mandela mantém-se estável e respira sozinho.

Mandela está hospitalizado em Pretória devido a problemas respiratórios. É o terceiro internamento desde uma estadia prolongada em dezembro do ano passado.

Nas igrejas, os fiéis rezam pela saúde de Nelson Mandela. “Madiba” é uma figura respeitada em todo o mundo, por ter conseguido assegurar uma transição pacífica na África do Sul.

Foi libertado em 1990, depois de 28 anos de prisão e tornou-se, quatro anos mais tarde, no presidente da reconciliação entre brancos e negros.